segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Lula, Porto Alegre e a Democracia – Por Sofia Cavedon

Foto Marta Resing
Artigo publicado no Jornal do Centro (Porto Alegre) - Edição Janeiro/2018

Coube mais uma vez a Porto Alegre ser o cenário onde a história da democracia brasileira será testada. 

O líder das pesquisas de  intenção de voto para a presidência da república, no ano eleitoral que se inicia, será julgado aqui, na capital inspiradora e acolhedora de quatro edições do Fórum Social Mundial, na cidade da mais larga e densa experiência de participação direta da população nas decisões públicas, na terra onde vive a Presidenta do Brasil deposta por maioria parlamentar, em controverso e contestado processo conduzido por partidos inconformados com sua reeleição, apoiados pelas elites econômicas e midiáticas.

Porto Alegre - que experimenta e enfrenta pela primeira vez um gestor representante do estado mínimo, das privatizações e terceirizações que, mesmo de resultado eleitoral inferior aos votos brancos, nulos e abstenções, se arvora condutor “das mudanças necessárias que só as elites econômicas, midiáticas e políticas poderão realizar” desprezando a participação direta da população, tentando deslegitimar o Orçamento Participativo  que já extinguiu – será palco  de um processo jurídico extraordinariamente célebre, indiscutivelmente inconsistente em suas acusações e claramente direcionado a impedir que o ex-presidente Lula concorra e interrompa no Brasil o projeto que aquelas elites tentam impor.

Foto Facebook
O povo que resiste à imposição do projeto das elites golpistas, que está sendo atingido por ele, se manifesta no crescimento de Lula nas pesquisas e isso incomoda e põe em risco os objetivos do projeto ainda não concluso.

Quando dizemos que sem Lula a eleição é fraude, invocamos princípios constitucionais como o da soberania popular, o do direito à defesa, da presunção de inocência, dos direitos civis, dos direitos humanos -  todos desrespeitados no retrocesso democrático em curso!

Pois que a força da história de alargamento democrático que Porto Alegre viveu, convoque todos que acreditam que só a democracia constrói justiça e igualdade, a marcharem por ela, a garantirem o direito de Lula ser candidato e de vivemos eleições livres e soberanas! #OcupaPortoAlegre.

#ComLulaEmPoA
Confira a programação desta Segunda, 23.