segunda-feira, 30 de junho de 2014

Novos secretários assumem a Casa Civil, Comunicação e Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social

Foto Caroline Bicocchi/Palácio Piratini
O governador Tarso Genro empossou nesta segunda-feira (30) os novos secretários de Estado da Casa Civil, Comunicação e Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Cdes-RS). A cerimônia ocorreu no Salão Negrinho do Pastoreio, no Palácio Piratini, e contou com a presença de da vereadora Sofia Cavedon, secretários estaduais e dirigentes de órgãos públicos, entre outras autoridades.

Foto Alexandre Böer
Assume a Casa Civil, no lugar de Carlos Pestana, Flávio Hellmann. Na Secretaria de Comunicação, Marcelo Nepomuceno substitui João Ferrer, e, no Conselhão, Zelmute Marten ocupa o cargo antes exercido por Marcelo Danéris, e Ilza do Canto assume como secretária substituta. Todos já integravam o quadro das secretarias que assumem e têm com proposta dar continuidade ao trabalho que vem sendo realizado.

"Agradeço aos secretários que deixam o Executivo, companheiros importantes nessa trajetória", afirmou o governador Tarso Genro. "A comunicação é um processo difícil por razões políticas, e o João soube dialogar com todos os veículos, inclusive apresentando em campanhas publicitárias as conquistas dos gaúchos neste governo. O secretário Danéris implementou o diálogo construtivo, e o Conselhão atingiu um nível extraordinário, mostrando que é possível agregar todas as opiniões, independentemente de sua ideologia. A Casa Civil é onde tudo começa e termina, e o secretário Carlos Pestana soube realizar um trabalho magnífico", acrescentou.

Aos secretários que assumem, o governador ressaltou os novos desafios. "Um verdadeiro governante promove publicamente a autoridade dos secretários e eu trabalho desta forma, confio em vocês, na continuidade de um trabalho importante e estratégico para o desenvolvimento deste Estado e melhoria da qualidade de vida das pessoas", concluiu Tarso.

Veja matéria completa e conheça os novos secretários no Portal do Governo do RS

sábado, 28 de junho de 2014

PT faz convenção e homologa chapas para as eleições de 2014

Foto Divulgação PT/RS
Estamos com o time pronto para entrar em campo no próximo domingo! #escolhoMudaraPolitica” – Sofia Cavedon

O PT gaúcho realizou sua convenção neste sábado (28/6) homologando a chapa majoritária e proporcional que irão disputar as eleições de 2014. Na presença dos partidos que formam a Unidade Popular pelo Rio Grande – PT, PTB, PCdoB, PROS, PTC, PPL e PR, os petistas aprovaram o nome do governador Tarso Genro para a reeleição, de Olívio Dutra para o Senado, com Abgail Pereira (PCdoB) como vice e a vaga para a suplência do senado com a indicação do PTB.

Gesto simbólico marcou a convenção do PT

Foto Divulgação PT/RS
O governador Tarso, que chegou de terno e gravata, simbolizando o cargo, tirou a gravata durante a solenidade, num gesto que marca o seu trabalho durante a administração petista, “de mangas arregaçadas” e o inicio da militância para reeleger o projeto da Unidade Popular Pelo Rio Grande, declarou Tarso.

O candidato petista enfatizou a importância da Unidade Popular pelo Rio Grande para dar continuidade às políticas públicas que vem colocando o Estado no patamar de protagonista de desenvolvimento econômico do País. Salientou o avanço da participação popular, das políticas para os servidores, do alinhamento virtuoso com o governo federal.

Foto Marta Resing
Olívio Dutra tratou do seu compromisso no senado com as grandes reformas, como a Agrária, Política, Urbana e Tributária.

Abgail Pereira destacou a força das mulheres para o avanço das políticas sociais e a garra da mulher gaúcha para vencer os desafios que estão postos no debate da eleição de 2014.

O presidente do PT Ary Vanazzi lembrou as palavras da presidente Dilma recentemente, “nesta eleição teremos que derrotar o ódio e a mentira”. “Assim será, destacou o líder petista, mas nossa militância está armada com os argumentos da boa política”.

A militância e os candidatos a deputados federal e estadual estão convidados para o registro da chapa majoritária no T.R.E., no dia 1º de julho, terça-feira, às 12horas. 

Fonte: Portal do PT/RS.

Diálogos Culturais 2014 chegam a Porto Alegre nesta quarta

A Secretaria de Estado da Cultura convida para a edição do “Diálogos Culturais – Porto Alegre e Região Metropolitana”, que ocorre no próximo dia 02 de julho, quarta-feira, no Teatro Bruno Kiefer da Casa de Cultura Mario Quintana (Rua dos Andradas, 736 – Centro, Porto Alegre) a partir das 18h30min.

Na ocasião serão anunciados os novos editais e prêmios da Secretaria de Estado da Cultura: a terceira edição do FAC das Artes, a segunda edição do Prêmio da Diversidade e o Movida Circuito RS, financiados através de seleção realizada pelo Ministério da Cultura para o fortalecimento do Sistema Nacional de Cultura (SNC); e o edital RS Pólo Audiovisual – Produção em longa-metragem, em parceria com a Ancine.

Desde o dia 22 de maio, a Secretaria de Estado da Cultura promove a quarta edição dos Diálogos Culturais. Mais de 600 pessoas já participaram dos debates nas cidades de Passo Fundo, Santa Rosa, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Jaguarão, Pelotas, Novo Hamburgo, Bom Jesus, Caxias do Sul, Osório e Montenegro, que representam as regiões funcionais do estado. O evento reúne gestores públicos, produtores, artistas, pesquisadores e ativistas culturais, realizando prestações de contas das políticas culturais em cada região para debater as perspectivas da cultura no estado.

Os Diálogos acontecem desde 2011 com o objetivo de elencar e discutir as diretrizes para uma política cultural no Rio Grande do Sul. Já foram promovidos cerca de 25 encontros em todas as regiões do estado. Para além da visão da cultura como elemento isolado, eventual e estanque, a Secretaria de Estado da Cultura leva adiante um processo primordial para o desenvolvimento estético, econômico e cidadão do estado. Com os Diálogos, essa articulação pode chegar cada vez mais à população gaúcha.

Os Diálogos Culturais 2014 são uma promoção da Secretaria de Estado da Cultura, do Conselho Estadual de Cultura, do Conselho dos Dirigentes Culturais (Codic)/Famurs e do Sindicato dos Artistas e Técnicos (Sated-RS). 

Fonte: Portal da Sedac/RS.

Salão de Artes recebe inscrições até 24 de julho

Estão abertas até 24 de julho as inscrições para o 20º Salão de Artes Plásticas da Câmara Municipal de Porto Alegre.

Podem participar artistas plásticos gaúchos ou residentes no Rio Grande do Sul há cinco anos ou mais, com obras contemporâneas não anteriores a dois anos e sem premiações em salões. O vencedor da edição 2014 receberá o Prêmio Aquisição de R$ 7 mil. Também haverá cinco Prêmios de Incentivo à Criatividade, no valor de R$ 1 mil cada.

As inscrições - gratuitas - devem ser feitas no Memorial da Câmara. Cada artista poderá inscrever-se em até duas modalidades (pintura, desenho, gravura, fotografia, escultura, cerâmica, objeto, arte digital, entre outras), devendo apresentar, obrigatoriamente, três trabalhos, todos de uma mesma categoria, exceto nas modalidades instalação, performance e vídeo-arte. Para cada modalidade, deverá ser feita uma inscrição individual. O regulamento completo está na página inicial do site www.camarapoa.rs.gov.br.

O 20º Salão terá abertura oficial em 2 de setembro, às 19 horas, no Plenário Otávio Rocha, como parte das comemorações dos 241 anos da Câmara. A visitação estará aberta de 3 de setembro a 3 de outubro, com entrada franca. O evento é patrocinado pelo Legislativo da Capital.

Informações: (51) 3220-4187 e 3220-4318, com Cláudia Inácio.

O Regulamento 2014 tem três anexos: Anexo I (ficha de inscrição), Anexo II (Carta de Anuência), Anexo III (Autorização de Uso de Imagem).

Fonte: Portal da CMPA.

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Mandato de Sofia debate coletivamente a política

Foto Marta Resing
Reforma política e construção coletiva para o próximo período são pautas que Sofia Cavedon, vereadora do PT de Porto Alegre, vem debatendo com apoiadores e simpatizantes de seu mandato.


Foto Marta Resing
Conforme Sofia “a forma coletiva, de diálogo e militante, nos leva a fazer da política instrumento de mudança da vida - reuniões partidárias nos desafiam a qualificarmos para representar a cidadania e manter a esperança na mudança pela política.”

Parceria para registrar o legado simbólico da Copa

Foto Alexandre Böer
A vereadora Sofia Cavedon (PT/PoA) recebeu nesta semana em seu gabinete na Câmara de Porto Alegre, a escritora gaúcha Denise Weinreb.

Conforme Sofia, a escritora é uma incansável lutadora da literatura infantil e trouxe a proposta de parceria na cultura, com o objetivo de registrar o legado simbólico da copa.

Denise Weinreb é autora do livro “A tabuada na ponta dos dedos”, que conta a história de um menino chamado Marcelo que precisava saber todas as tabuadas para a prova de matemática. Porém, através de um sonho, o menino chega em uma floresta e descobre a caverna numerada e aprende com a ajuda da Esther o método 'A Tabuada na Ponta dos Dedos'. Com as ilustrações envolvendo as operações de 6 ao 9, o menino rapidamente aprende a parte mais difícil e complicada para ele das tabuadas. Ao acordar, ensina o método para a amiga Juliana e depois para toda a família.

Audiência debate projeto do Executivo que altera Lei das Antenas

Foto Divulgação Gabinete
Na audiência publica da Lei das ERBS afirmei que não é uma atualização da nossa lei, mas uma radical alteração do modelo de torres com proteção de áreas com crianças, saúde, etc, para pequenas antenas em grande quantidade, sem exigências de distância. Há muita controvérsia sobre os efeitos, então, prudência! – Sofia Cavedon

A Câmara Municipal de Porto Alegre promoveu na noite desta quinta-feira (26/06), no Plenário Otávio Rocha, uma audiência pública para debater o projeto de lei complementar do Executivo nº 057/13, que trata sobre a instalação de Estações de Rádio-Base (ERB) em Porto Alegre. O Executivo municipal justifica que o projeto surgiu a partir da necessidade de atualização da Lei Municipal nº 8896, de 26 de abril de 2002, em razão do surgimento de novas tecnologias na área da telefonia móvel, que apresenta evolução constante tanto nos serviços de dados quanto nos equipamentos de transmissão de radiofrequência e surgimento de redes sem-fio. A proposta do governo municipal dispõe sobre a localização e instalação de equipamentos empregados na telefonia móvel e os procedimentos administrativos para o licenciamento ambiental.

Foto Ederson Nunes/CMPA
A audiência foi conquistada na Justiça pela Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural (Agapan). Em função da grande polêmica que o assunto gerou na Capital, a Agapan, contrária às alterações propostas pelo Executivo, propôs que o projeto fosse debatido antes de ir à votação na Câmara, a fim de esclarecer questionamentos e dúvidas da população em relação à instalação de antenas na cidade (que visa gerar nova freqüência para agilizar e potencializar a telefonia celular). Algumas das entidades presentes à reunião manifestaram preocupação de que as alterações propostas pelo novo projeto de lei da Prefeitura possam prejudicar a saúde da população e afetar a preservação do patrimônio ambiental do município.

Foto Ederson Nunes/CMPA
A primeira entidade a fazer seu pronunciamento foi a Agapan. De acordo com a representante da entidade, Ana Valls, existe uma constante preocupação com as questões de saúde envolvidas no projeto de modificação da lei 8896 de 2002. “Queremos procurar entender o que está acontecendo no que tange às leis que desconsideram o ser humano em beneficio de lucros de algumas empresas”, observou Ana, acrescentando que as empresas de telefonia devem R$ 1,9 bilhão em multas em todo Brasil, e isso deveria ser revertido em benefício da população. “A radiação eletromagnética não ionizante da telefonia móvel e afins é carcinogênica, e quem arca com as consequências é o SUS”, destacou.

Em seu depoimento de encerramento, a representante da Agapan, Ana Valls, declarou que espera ainda que o prefeito José Fortunati repense a decisão de manter o novo projeto que trata das estações de rádio-base em tramitação na Câmara.

O representante do Movimento Gaúcho em Defesa do Meio Ambiente (Mogdema), Sylvio Nogueira, observou que a sociedade, muitas vezes, julga os ambientalistas como pessoas contra o desenvolvimento da cidade e a inovação. “O que na verdade existe é o acordo entre o poder econômico internacional e o poder político local. Está mais do que provado que a precaução é o que mais importa, e não o lucro das empresas de telefonia móvel que vão vender mais telefones celulares e nem o da Prefeitura, que vai recolher mais impostos”, observou.

Fonte: Portal da CMPA.

Veja também: 
Lei das Antenas – Audiência Pública será dia 26 de junho

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Dilma Rousseff sanciona sem vetos Plano Nacional de Educação - PNE

Nota oficial da presidenta Dilma

Foto Roberto Stuckert Filho/JGB
“Ontem sancionei, sem vetos, o novo Plano Nacional de Educação – PNE, que terá vigência nos próximos dez anos, orientando a atuação e o papel da União, dos estados, do Distrito Federal, dos municípios, de instituições de ensino, professores, famílias e estudantes, na busca por uma educação de qualidade acessível a todos.

O Brasil tem hoje um #PNE à altura dos desafios educacionais do País

O PNE traz vinte metas para todas as etapas e modalidades da educação, da creche à pós-graduação, e, para cada uma delas, diversas estratégias, muitas das quais já vêm sendo implementadas pelo governo federal. Ao longo dos últimos anos, criamos um caminho de oportunidades por meio da educação, o que pode ser observado pelo expressivo crescimento das inscrições no ENEM.

O PNE nos desafia a ampliar, ainda mais, essas oportunidades, em busca da melhoria da qualidade em todos os níveis, etapas e modalidades da educação, partindo da educação infantil, passando pela educação em tempo integral, o crescimento das matrículas da educação profissional e tecnológica, a ampliação do acesso à educação superior e a expansão da pós-graduação. Para isso serão muito importantes a valorização dos professores, o aumento dos investimentos em educação e o fortalecimento da articulação da União com os estados, o Distrito Federal e os municípios.

A destinação de 75% dos royalties do petróleo e 50% do Fundo Social do pré-sal vai tornar realidade as metas do #PNE

A destinação dos recursos dos royalties do petróleo e do Fundo Social do pré-sal para a educação abrem a perspectiva de tornar realidade as metas do PNE. O país tem hoje um Plano Nacional de Educação à altura dos desafios educacionais do Brasil.”

Dilma Rousseff - Presidenta da República 

Veja também matéria com o ministro da Educação, José Henrique Paim.

Ouça aqui a entrevista concedida pelo ministro da Educação 

Fonte: Portal Brasil com informações do Ministério da Educação

Sofia visita Rio Pardo

Foto Divulgação Gabinete
Em sua visita ao município de Rio Pardo, nesta quarta-feira (25/6), Sofia Cavedon, vereadora do PT da capital, reuniu-se com lideranças do município e com jovens que reivindicam mais espaços de cultura na cidade. O fortalecimento da Corsan foi outra demanda destacada no encontro.

Sofia manifestou seu orgulho com a comunidade, que defende a água pública e que tem a sua história intimamente ligada à formação do estado. Às margens do rio Jacuí, Rio Pardo é um dos quatro municípios mais antigos do Rio Grande do Sul e de grande importância histórica.

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Participe do projeto Um golpe – 50 olhares

ONG Criar Brasil
Pautado nos princípios da Declaração dos Direitos Humanos, o projeto 50 anos em 50 minutos sob 50 olhares produzirá um filme média metragem de 52 minutos intitulado ‘Um golpe – 50 olhares’. 

O projeto é fomentado pela Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, através de seu Projeto Marcas da Memória, e organizado pela ONG Criar Brasil – Centro de Imprensa, Assessoria e Rádio, e consiste em uma produção colaborativa destinada a retratar 50 olhares da sociedade brasileira sobre o Golpe Militar de 1964, por meio de uma coletânea de 50 vídeos de 1 minuto cada.

Esta será uma oportunidade para os cidadãos e cidadãs brasileiros revelarem em um minuto seu olhar sobre a ditadura, especialmente, sobre as violações aos direitos humanos fundamentais ocorridas neste período, que deixaram marcas profundas até hoje na sociedade, e as suas consequências atuais.

Um comitê composto por um cineasta, um representante da sociedade civil e um membro da academia escolherá os vídeos que participarão do filme que será lançado no final do ano de 2014. Os vídeos escolhidos atenderão impreterivelmente às exigências contidas no regulamento.

Para participar do filme “Um golpe – 50 olhares”, siga as instruções relacionadas no regulamento.

Fonte: ONG Criar Brasil

Mulheres no futebol em exposição do Gasômetro

Exposição pode ser visitada até dia 13 de julho

Foto Divulgação Gabinete
Sofia Cavedon, vereadora do PT da capital, prestigiou o evento na abertura, dia 24/6.

A exposição “Futebol e Mulheres no País da Copa 2014”, na Usina do Gasômetro, pretende mostrar a temática da mulher no cenário do futebol. “Queremos mostrar que a mulher joga futebol há muito tempo. Que fala e entende de futebol. Falta o incentivo de patrocinadores para que essa modalidade seja desenvolvida no país’’, afirma Cleizi Zanette, uma das organizadoras da exposição e assessora técnica da Secretaria Estadual de Esporte e Lazer e da Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (Fundergs).

Conforme Silvana Vilodre Goellner, professora e pesquisadora da UFRGS, a presença das mulheres no futebol acontece desde as primeiras manifestações deste esporte em nosso país. Inicialmente como espectadoras e, logo em seguida como praticantes, as brasileiras vêm protagonizando histórias que contribuíram para sua consolidação e popularização. “Visibilizar alguns vestígios que narram essa presença é o objetivo desta exposição que reúne materiais da seleção brasileira assim como de atletas do Rio Grande do Sul”, destaca Silvana.

Foto Divulgação Gabinete
O material exposto foi recolhido através de um coletivo chamado Guerreiras Project, que fez fotos das atletas da seleção brasileira e de times profissionais e de várzea. O projeto usa o futebol como ferramenta para revelar, analisar e combater preconceitos de gênero e faz isso através da criação de espaços nos quais se pode discutir os temas em encontros agendados. Além de fotos, a exposição tem chuteiras autografadas, camisetas e até um álbum de figurinhas da Copa do Mundo de Futebol Feminino.

A ideia da exposição também permitiu a criação de outros projetos, como o Curso de Árbitras e Mesárias de Futebol para Mulheres, Curso de Formação de Lideranças de Jogadoras, que acontece em São Paulo, e um Seminário Estadual "Gestão e Ética no Futebol Feminino", entre outros eventos.

A exposição está aberta à visitação na Usina do Gasômetro até dia 13 de julho das 09 às 21 horas e resulta de uma parceria entre o Centro de Memória do Esporte (ESEF-UFRGS), a Associação Gaúcha de Futebol Feminino, o Guerreiras Project, a Secretaria do Esporte e do Lazer/ FUNDERGS e Secretaria de Políticas para as Mulheres.

Liga Canela Preta 

Foto Pedro Revillion/CAM
Juntamente com a exposição ‘‘Futebol e Mulher no País da Copa 2014’’, a Liga da Canela Preta também exibe o seu material, com fotos que contam a história da união de entidades participantes. Formada no fim da década de 1910 por um grupo de negros, que eram impedidos de jogar nos times dos brancos, a liga fez a resistência contra o racismo no futebol porto-alegrense.

Além desse movimento, o grupo formou times que se destacaram até a década de 30. Primavera, Bento Gonçalves, União, Primeiro de Novembro, Rio-Grandense, 8 de Setembro, Aquidabã e Venezianos foram alguns dos times da Liga da Canela Preta.

Saiba mais sobre as Mulheres no Futebol visitando a Fanpage do CEME/Esef-Ufrgs

Com informações do Portal do Correio do Povo.

Eleições: PT/RS faz convenção neste sábado

O PT/RS promove neste sábado (28/6) a Convenção Estadual do partido, quando homologará as chapas majoritária e proporcional. 

O encontro inicia às 9h no Everest Porto Alegre Hotel (Rua Duque de Caxias, 1357 - Centro Histórico). Às 11h15min ocorrerá o Ato Político.

Até está data, o PT Estadual está concentrado na montagem da chapa proporcional. O PT gaúcho fará sua convenção eleitoral reunindo o Diretório Estadual, as coordenações regionais do partido, os pré-candidatos majoritários e proporcionais e convidados. 

Fonte: Portal do PT/RS.

terça-feira, 24 de junho de 2014

Participação popular é recorde na escolha das prioridades do Orçamento

Foto Caroline Bicocchi 
Sofia Cavedon, vereadora do PT da capital, prestigiou na manhã desta terça-feira (24/6), o ato de divulgação das prioridades para o Orçamento do estado de 2015, realizado pelo governador Tarso Genro, no Palácio Piratini.

Mais de 1,3 milhão de gaúchos votaram no Sistema de Participação Popular e Cidadã, uma iniciativa do Governo do Estado que permite que o cidadão escolha as prioridades da sua região para o Orçamento de 2015.

"A democracia participativa é uma metodologia de governança política e, ao mesmo tempo, um rejuvenescimento da democracia representativa, inclusive para valorizá-la junto aos setores da população, especialmente, os que não têm influência cotidiana sobre o poder político", disse o governador sobre a importância do Sistema Estadual de Participação Popular e Cidadã do RS. “O Rio Grande do Sul dá um exemplo de democracia participativa e consultiva para o país”.

As áreas priorizadas na maioria das regiões foram: Saúde, Segurança Pública e Defesa Civil, Esporte, Lazer e Turismo, Desenvolvimento Rural, Educação Básica, Profissional e Técnica e Desenvolvimento Econômico.

A peça orçamentária para o próximo exercício será montada pelo governo destinando parte dos recursos às prioridades registradas pela participação dos gaúchos, assim como suas escolhas prioritárias.
Posteriormente, será encaminhada à Assembléia Legislativa para apreciação dos deputados.

Leia matéria completa no Portal do Governo do RS.

Inscrições abertas para o 10º Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero

Estão abertas as inscrições para a 10ª edição do Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero. O concurso selecionará redações, artigos científicos e projetos pedagógicos de escolas públicas e privadas que tratem dos temas de gênero, mulheres, feminismos, relações raciais, geração, classe social e sexualidade. O edital do concurso foi publicado, no dia 20 de junho, no Diário Oficial da União.

O prazo termina em 28 de novembro de 2014 e os trabalhos devem ser inscritos no site do concurso. A previsão de divulgação do resultado é até 29 de maio e a cerimônia de entrega do Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero será realizada até 30 de junho de 2015, em Brasília.

A iniciativa tem como objetivo estimular a produção científica e a reflexão crítica acerca das desigualdades entre mulheres e homens. Os trabalhos que se destacarem receberão premiações, tais como notebooks e equipamentos de informática (para estudantes de ensino médio), bolsas de iniciação científica, mestrado e doutorado, de acordo com as normas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Assista ao vídeo de divulgação.

Fonte: Portal da Secretaria de Políticas para as Mulheres

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Convênios garantem R$ 10,7 milhões à agricultura familiar

Foto Caroline Bicocchi/Palácio Piratini
Governador Tarso Genro assina convênios de R$ 10,7 milhões para a #AgriculturaFamiliar!

Atendendo a demandas da agricultura familiar, o governador Tarso Genro assinou nesta segunda-feira (23), no Palácio Piratini, 158 convênios com 143 municípios. Os acordos, que beneficiam 19 regiões gaúchas, garantem investimentos de R$ 10,7 milhões, sendo a maior parte - R$ 8,15 milhões - destinada à cadeia do leite. Os convênios são resultado das demandas votadas no processo de Participação Popular e Cidadã e Qualificação da Infraestrutura em Assentamentos, e também preveem R$ 861,4 mil para melhorar a infraestrutura de assentamentos de 11 cidades.

Com o Salão Alberto Pasqualini lotado de prefeitos e representantes municipais, o governador afirmou que o ato consolida as políticas públicas voltadas à agricultura familiar. Tarso ressaltou o crescimento da economia gaúcha no último ano, com índices bem superiores ao registrado pelo país. "O que interessa para nós é que se cresça de baixo para cima, distribuindo renda, fazendo inclusão social, educacional, tecnológica, para que as famílias, as pessoas que estão na base da sociedade, vivam melhor". Com o prefeito de Pinheirinho do Vale, Peri da Costa, o governador assinou o primeiro convênio.

São 158 convênios resultantes das demandas votadas no processo de Participação Popular e Cidadã que também preveem a melhora da infraestrutura de assentamentos de 11 municípios.

Leia mais no Portal do Governo do RS.

Câmeras de vídeo nos coletivos é recomendação da Brigada para evitar assalto a coletivos

Foto Alexandre Böer
Por iniciativa da vereadora Sofia Cavedon (PT/PoA) foi realizado hoje, 23 de junho, na Câmara de Vereadores de Porto Alegre, uma reunião com representantes dos delegados sindicais da Carris e representantes do Comando de Policiamento da Capital para tratar do tema de assaltos a coletivos do transporte coletivo da capital.

Segundo o Tenente Coronel Altemir de Lima, da Brigada Militar, tem feito diversas ações de prevenção à violência como ações de revista aos ônibus e investido em policiamento em áreas de maior risco, mas alertou que é necessário que os empresários invistam câmeras de vídeo nos ônibus, pois é uma forma de coibir os assaltos, como aconteceu no Sistema de Transporte Sul, que implementou este sistema e o índice de assaltos baixou consideravelmente. Também afirmou que a posição das câmeras deve monitorar a entrada e saída de passageiros e não para controle dos trabalhadores. A Carris, por exemplo, tem apenas 18 carros com câmeras dos 371 ônibus.

Outro dado importante é que 80% dos assaltantes são reincidentes e, infelizmente, o sistema não têm efetivado a prisão dos mesmos, por isso é necessário envolver outros atores importantes como o Ministério Público, a Defensoria Pública, a Polícia Civil, o Poder Judiciário e SUSEPE.

 Encaminhamentos 

- Realizar uma visita ao sistema de monitoramento padrão da STS indicada para o dia 30 de junho, segunda-feira, às 10h;
- Realizar uma reunião no Plenário Otávio Rocha da Câmara de Vereadores no dia 10 de julho, às 14h, com todos os atores indicados na reunião;
- Encaminhar ao Ministério Público do Trabalho a solicitação de audiência pública reunindo todos os atores ligados à segurança e às comissões de saúde do trabalhadores.

domingo, 22 de junho de 2014

PT oficializa candidatura de Dilma à reeleição

Foto Ricardo Stuckert/Instituto Lula
O PT oficializou neste sábado (21), em sua convenção nacional, a candidatura da presidenta Dilma Rousseff a seu segundo mandato nas eleições de 5 de outubro. Também foi renovada a aliança do PT com o PMDB e a candidatura de Michel Temer à reeleição a vice-presidente como companheiro de chapa de Dilma. A aliança foi aprovada há duas semanas pelo PMDB.

No encontro, realizado em Brasília, Dilma e Temer tiveram o apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva; o presidente nacional do PT, Rui Falcão; além de presidentes de partidos aliados, vários ex-ministros, dezenas de parlamentares, governadores, prefeitos e líderes políticos regionais.

Foto Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Lula ressaltou as mudanças vividas pelo país nos últimos anos e chamou a militância petista a tomar as ruas do país. “Pelo que nós fizemos, temos de ir para a rua e defender essa mulher”, disse.

Falcão voltou a ressaltar a necessidade de implementar uma reforma do sistema político eleitoral e a democratização dos meios de comunicação, a qual, segundo disse, “os oligopólios tentam caracterizar como censura”. O presidente nacional do PT também comentou as vaias que Dilma recebeu durante a partida de abertura da Copa do Mundo, e disse que o “tiro saiu pela culatra” porque a presidenta foi cercada pela solidariedade dos que condenam a violência.

Transformação 

Foto Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Durante seu discurso, Dilma anunciou o Plano de Transformação Nacional, que será o principal eixo do seu programa de governo. Segundo ela, trata-se de um conjunto de medidas, como reformas política, federativa, urbana e de serviços públicos, além de outros mecanismos capazes de produzir revoluções educacional, tecnológica e digital “que levarão o país a um novo ciclo histórico de desenvolvimento”.

“Temos, agora, uma oportunidade rara na história: defender os grandes resultados de um ciclo fabuloso e, ao mesmo tempo, ter força para anunciar o nascimento de um novo ciclo de desenvolvimento”, disse Dilma, no evento que oficializou sua candidatura ao Palácio do Planalto, em Brasília.

Dilma afirmou que o principal mecanismo para deflagrar uma revolução digital no país será o programa Banda Larga para Todos, que tem a meta de promover a universalização do acesso de todos os brasileiros a um serviço de internet barato, rápido e seguro.

“O programa pressupõe tanto a expansão da infra-estrutura de fibras óticas e equipamentos de última geração, como o uso da Internet como ferramenta de educação, lazer e instrumento de participação popular, nas decisões do governo”, explicou.

Leia aqui a íntegra do discurso da presidenta Dilma.

Fonte: Portal Sul21 (Com Rede Brasil Atual e site do PT Nacional).

Veja também:
Eleições: PT/RS faz convenção dia 28 de junho

Assista a “Coração Valente”, o jingle de Dilma na campanha à reeleição

O material foi apresentado à militância petista durante a convenção nacional do PT, em Brasília.

Nesta terça: O Plebiscito popular pela Reforma Política

Participe:

Veja também:

Desenvolvimento Econômico, Cooperação e Sustentabilidade no Cresce Mais RS

Dando continuidade às escutas e debates de ideias e propostas, para garantir uma vida com mais direitos e mais oportunidades para todo/as o/as gaúcho/as, é que o coletivo Cresce Mais RS promove nesta quinta-feira (26/6), às 18h30min, o painel sobre Desenvolvimento Econômico, Cooperação e Sustentabilidade.

O encontro é no Afocefe Sindicato (Rua dos Andradas, 1234, 21º andar, Centro Histórico, Porto Alegre). 

Na pauta: Economia do RS, Finanças e Investimentos, Política de Desenvolvimento, Relações Internacionais, Geração de Emprego e Renda, Agricultura e Desenvolvimento Agrário, Ciência e Tecnologia, Turismo, Economia Popular e Solidária.

A síntese obtida a partir das plataformas colaborativas subsidiará a elaboração do programa para fazer o RS Crescer Mais.

sábado, 21 de junho de 2014

Plebiscito Popular para Mudar a Política - Por *Sofia Cavedon

Artigo publicado na edição desde sábado (21/6) no jornal Zero Hora.

Foto Mario Pepo
As eleições de 2014 podem ter outra qualidade democrática se efetivado o fim das contribuições milionárias de empresas para candidatos e partidos, a partir da iniciativa da OAB de entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal. A ação _ que já conta com o voto favorável da maioria dos ministros _ parte do pressuposto de que apenas ao cidadão, que tem o direito de voto, deve ser permitido manifestar seu apoio político na forma de contribuição financeira e não às empresas.

Pela maioria das contribuições vir delas, nossa democracia está se tornando um sistema censitário disfarçado. Bem identifica a consequência disto o manifesto “Por Eleições Limpas e Democráticas”, do movimento liderado pela OAB e a CNBB que coleta assinatura por outro sistema político: os candidatos que assim se elegem traem compromissos com seus eleitores, pois defendem os interesses de quem os financiou, causando justa indignação na sociedade.

A presidenta Dilma respondeu a esta indignação apresentando ao Congresso Nacional a proposta de realização de um plebiscito para que a população decida qual a reforma política que deseja. O engavetamento desde então da proposição deixa claro que a maioria dos parlamentares não tem vontade política para democratizar as atuais regras do jogo.

Convencidos de que o predomínio do poder econômico liquida com a ideia republicana de democracia, os movimentos sociais assumiram a proposta e marcaram um plebiscito popular para a Semana da Pátria, no início de setembro.

Assim como a das eleições limpas, esta campanha está sendo feita de forma voluntária e militante, com formação política para a cidadania e ampla discussão com a sociedade.

Mais uma vez, o movimento social toma a frente para criar uma nova institucionalidade que tenha como alicerce a soberania popular! Sempre foi isto que fez o Brasil avançar e reduzir a distância que separa a cidadania do acesso aos direitos, como os reivindicados no memorável junho de 2013.

*Vereadora em Porto Alegre (PT)

Fonte: Jornal Zero Hora.

Mulheres e Futebol no país da Copa 2014 – Exposição abre nesta terça-feira

Foto Agência EFE
Associação Gaúcha de Futebol Feminino (AGFF) em parceria com a Fundação de Esporte e Lazer do RS (Fundergs), a Secretaria de Política para as Mulheres (SPM) e o Centro de Memória do Esporte da Escola de Educação Física da Ufrgs (Ceme),  promove a exposição Mulheres e Futebol no país da Copa 2014 e a Exposição Liga da Canela Preta.

As exposições podem ser visitadas a partir de quarta-feira (25/6) até o dia 13 de julho na Usina do Gasômetro (Avenida Presidente João Goulart, 551 – Centro Histórico), Porto Alegre.

sexta-feira, 20 de junho de 2014

Segurança em linhas de ônibus da capital é tema de audiência

Imagem Web
A Vereadora Sofia Cavedon (PT/PoA) realiza reunião nesta segunda-feira (23/6), às 10h, na sala 302 da Câmara de Vereadores de Porto Alegre com o Comando de Policiamento e com representantes dos rodoviários para discutir a segurança em linhas de ônibus da capital.

Foram convidados o Cel. João Diniz Godoy, comandante de policiamento de Porto alegre, Alceu Weber, representante dos rodoviários, representantes da Carris e outras autoridades ligadas ao tema para discutir sobre a insegurança dos coletivos das linhas T3, T4, T8 e T10 que tem sido alvo de um grande número de assaltos.

Segundo dados do Sindicato da categoria, em alguns dos trajetos, são registrados três assaltos por dia. Desde o início desta semana a Brigada Militar já está realizando ações para conter a violência, mas é necessária uma ação mais efetiva, destaca Sofia.

Painel debaterá as diretrizes para a Educação Especial

Arte Mario Pepo
O Fórum pela Inclusão Escolar de Porto Alegre promove nesta quinta-feira (26/6), às 18h30min, o painel para divulgação da Resolução nº 013/2013 do Conselho Municipal de Educação - CME/PoA que dispõe sobre as Diretrizes para a Educação Especial no Sistema Municipal de Ensino, na perspectiva da Educação Inclusiva.

O encontro contará com a participação da conselheira relatora, professora Ana Maria Giovanoni Fornos, e será no plenário Ana Terra da Câmara Municipal (Avenida Loureiro da Silva, 255 – Centro Histórico). 

Conforme a Coordenação Colegiada do Fórum, considerando, no contexto nacional, a instituição da obrigatoriedade da Educação Básica dos 04 aos 17 anos, da Educação Infantil ao Ensino Médio (Lei Federal nº 12.796/2013); e no contexto local, a aprovação da Resolução nº 013/2013 do CME/PoA que dispõe sobre as Diretrizes para a Educação Especial no Sistema Municipal de Ensino, na perspectiva da Educação Inclusiva, são demandas históricas dos movimentos sociais articulados no tema, que precisam debater e participar para conquistar a consolidação de políticas públicas para a promoção da inclusão escolar na cidade.

Informações: forumpelainclusaoescolar@gmail.com

quinta-feira, 19 de junho de 2014

Prêmio Professores do Brasil - Inscrições Abertas

Atenção professoras e professores, o MEC, por meio do Prêmio Professores do Brasil, premia os educadores em todo o Brasil.

Na sua 8ª edição, 8 trabalhos serão escolhidos em cada região do país, com prêmios de R$ 6 mil e R$ 5 mil para as melhores experiências pedagógicas desenvolvidas ou em desenvolvimento por professores de escolas públicas.

As inscrições vão até 15 de setembro.

Saiba mais no Portal do  MEC - Prêmio Professores do Brasil. 

quarta-feira, 18 de junho de 2014

Em Esteio e Canoas mulheres debatem a Política

Foto Janaina Santos
Segurança, proteção do/a trabalhador/a, empoderamento das mulheres e Reforma Política, entre os temas da conversa com ótimo chá e quitutes no bairro Primavera, em Esteio.” – Sofia Cavedon

Foto Janaina Santos


A parlamentar petista da capital, juntamente com o vereador Leo Dahmer, do PT de Esteio, reuniu-se nesta quarta-feira (18/6), com mulheres líderes comunitárias do bairro Parque Primavera, no município. O encontro foi na residência da líder comunitária e Mulher da Paz, Marilei Andrade.

Foto Janaina Santos
A Reforma Política e as mulheres foi um dos temas mais debatidos na reunião, que também teve na pauta as questões de segurança pública. Neste tema Sofia Cavedon sugeriu a realização de uma Audiência Pública, em parceria com as Mulheres da Paz, Brigada Militar (BM) e do seu mandato. A parlamentar  irá agendar reunião com a BM para apresentar a proposta.


Em Canoas

Foto Janaina Santos
Sofia também esteve no encontro de Mulheres em Canoas, realizado no sábado (21), na residência de Marilaine Stegues.

Para Sofia é uma alegria poder partilhar desafios maiores na construção dos diretos das mulheres, da juventude e dos trabalhadores.

As novas parcerias na busca de mudar a política são muito bem vindas, comemora a parlamentar.

Pronatec oferecerá 12 milhões de vagas em 2015

Educação é emancipação e não populismo, como nos acusam. Os números são as evidências mais claras: O país cresce através do trabalho de cada brasileiro. Ao investir na qualificação da mão-de-obra dos nossos trabalhadores, estamos assegurando o futuro do Brasil, cada vez mais próspero, cada vez mais preparado para os desafios. Em 2015, tem #MaisPronatec.Sofia Cavedon

Geração 'pronatequiana' garantirá um País mais próspero, afirma Dilma Rousseff 

Nova versão do programa oferecerá 12 milhões de vagas em 220 cursos técnicos e em 646 cursos de qualificação, a partir de 2015 

A presidenta Dilma Rousseff lançou, nesta quarta-feira (18), a segunda versão do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). O Pronatec 2.0 foi oficialmente lançado em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília (DF).

No início do discurso, a presidenta destacou os mais de sete milhões de jovens matriculados no programa, índice que reforça uma das características do Pronatec, cuja meta é levar ensino profissionalizante de qualidade para todo o País.

“Até o fim do ano, serão oito milhões de jovens e de trabalhadores matriculados no Pronatec. Um desempenho que nos incentiva a lançar a segunda etapa do Pronatec, que oferecerá 12 milhões de vagas em 220 cursos técnicos e em 646 cursos de qualificação a partir de 2015”, disse a presidenta.

Saiba mais no Portal Brasil.

terça-feira, 17 de junho de 2014

Escolas Infantis apontam defasagem nos repasses do Município

Foto Desirée Ferreira/CMPA
A Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude (Cece) debateu, durante reunião realizada nesta terça-feira (17/6) pela manhã, os problemas enfrentados pelas escolas inantis conveniadas com o Município e a aplicação dos recursos destinados pelo Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação). As entidades comunitárias mantenedoras dessas creches reclamam que haveria uma defasagem dos recursos a elas repassados pela prefeitura.

De acordo com a vereadora Sofia Cavedon (PT), que presidiu a reunião, o reajuste dos convênios realizados pela prefeitura com as escolas infantis comunitárias não podem continuar com os atuais valores defasados. Ela considerou positiva a instalação de uma comissão para discutir o Plano Municipal de Educação e lembrou que a Lei Orgânica do Município prevê a destinação de 30% do Orçamento municipal para a educação, enquanto a Constituição Federal exige 25%.

Foto Marta Resing
Observando que as 217 instituições conveniadas representam quase 20 mil crianças atendidas, ressaltou que a educação infantil em entidades comunitárias não pode ser precarizada. "O convênio com as creches comunitárias surgiu no período em que a educação infantil ainda estava fora do Fundeb. Hoje não se pode mais tratá-la como algo menor, pois ela é tão importante quanto o ensino fundamental. O Ministério Público questiona a contribuição exigida dos pais dos alunos para cobrir custos."

Sofia sugeriu que a Cece faça uma visita às creches comunitárias e que a Smed apresente a planilha de custos da prefeitura com o ensino para que se saiba onde estão sendo aplicados os recursos. A Cece também deverá realizar um seminário para debater o financiamento da educação infantil no Município, além de agendar uma reunião com o prefeito José Fortunati. "É maravilhoso o esforço das instituições comunitárias. É preciso readequar o orçamento para a rede de ensino infantil."

Defasagem 

Foto Desirée Ferreira/CMPA
Luis Alberto Mincarone, do Fórum de Entidades, reclamou da defasagem dos recursos repassados pela prefeitura às creches conveniadas e disse que o Fórum trabalha com valores que poderiam servir de referência. “Calculamos um valor mínimo, tomando o Fundeb como referência, para que as creches possam funcionar normalmente e, em outra planilha, um custo razoável que permita pagar o piso salarial ao pessoal de educação. Mas o ideal é que houvesse um reajuste de mais de 100%, pois o valor repassado às creches está muito aquém do necessário. As creches precisam pedir contribuição dos pais para cobrir custos de funcionamento.”

Presidente do Conselho Municipal de Educação (CME), Isabel Pedroso de Medeiros destacou que os recursos do Fundeb são inteiramente aplicados na folha de pagamento dos funcionários. Ela também explicou que o CME encontra dificuldades para fiscalizar os conveniamentos e tem compromisso com a garantia da qualidade da educação em Porto Alegre. Segundo ela, apenas 59% das creches comunitárias estão credenciadas pela prefeitura, algumas delas apresentando fragilidades. “O padrão de qualidade nem sempre é cumprido. Todos os pareceres do Conselho apontam restrições.” Isabel ainda sugeriu a participação efetiva da Câmara Municipal na discussão do Plano Municipal de Educação. “É fundamental discutir o financiamento da educação infantil.”

Smed 

Paulo Renato Rizzardi, assessor jurídico da Secretaria Municipal de Educação (Smed), disse que a certidão negativa de débito das creches é pré-requisito para o convênio. “Procuramos auxiliar na regularização daquelas que estão irregulares.” Segundo ele, a precariedade no atendimento não é uma regra entre as creches, pois as entidades realizam bom trabalho, tendo havido crescimento na qualidade dos serviços prestados.

Ramiro Tarragô, assessor financeiro da Smed, explicou que o Fundeb é composto por 27 fundos estaduais com recursos arrecadados em impostos. Quando estados e municípios não atingem o valor mínimo, disse Tarragô, há complementação pela União. “Porto Alegre tem custo-aluno maior que o recurso repassado pelo Fundeb, que prioriza o ensino médio em detrimento da educação infantil.”

Também participaram da reunião a vereadora Any Ortiz (PPS) e o vereador João Carlos Nedel (PP), além de representantes do Executivo municipal, do CME, do Fórum de Entidades e das creches comunitárias. 

Fonte: Portal da CMPA.

Veja também:
Escolas Infantis conveniadas pedem reajuste de 12% em repasses

Casamento Coletivo de casais homoafetivos em Porto Alegre

O Tribunal de Justiça do RS vai realizar, em Porto Alegre, o primeiro casamento coletivo de casais homoafetivos.

Reservem a data, se inscrevam ou divulguem entre os seus contatos e nas redes sociais.

A cerimônia ocorrerá dia 25 de setembro, às 16h, na Galeria dos Casamentos, no Palácio da Justiça.

As inscrições podem ser feitas até o dia 25 de julho e as vagas são limitadas a 30 casais, residentes na Capital e sem condições de arcar com os custos.

Informações pelo fone (51) 3210.7349 e (51) 3210.7221.

Sofia participa de plenária do deputado Zulke

Foto Divulgação Gabinete
Sofia Cavedon, vereadora do PT de Porto Alegre, prestigiou nesta segunda-feira (16/6) a plenária estadual do deputado federal Ronaldo Zulke, do PT de São Leopoldo, realizada na capital.

Sofia e Zulke são parceiros nas temáticas de Cultura e Educação, onde desenvolvem ações em conjunto.

A plenária refletiu os desafios de uma eleição que acumule no aprofundamento da mudança e de instalação dos diretos conquistados pela cidadania.

segunda-feira, 16 de junho de 2014

Parceria irá fortalecer a Economia Solidária no RS

Foto Divulgação Gabinete
Em mais um movimento em apoio à Economia Solidária do RS, Sofia Cavedon, vereadora do PT da capital, reuniu-se nesta segunda-feira (16/6), com o deputado federal Dionilso Marcon (PT),  com o padre Rudimar Dal'Asta e Ubiratan de Souza, em Porto Alegre.

Conforme ressalta a parlamentar, “a parceria visa fortalecer os grupos de economia solidária, que passa pela educação popular e pela priorização das políticas públicas”.

Sofia Cavedon esteve junto com o Movimento no ano passado, na luta vitoriosa que conquistou o retorno das Feiras de Economia Solidária no Largo Glênio Peres, local histórico da capital. A lei municipal que restringia o uso do largo proibia a realização da Feira promovida por 9 mil trabalhadores do Rio Grande do Sul e acontece anualmente no local.

História 

A 1ª Feira Estadual de Economia Popular e Solidária aconteceu em 1999, a partir da iniciativa da Cáritas Brasileira Regional RS e da Administração Popular (através da Smic) com apoio da Comissão Pastoral da Terra e Pastoral Operária Estadual. Todas as instituições envolvidas vinha há anos incentivando e apoiando experiências alternativas de geração de trabalho e renda. As primeiras edições foram realizadas na Usina do Gasômetro. A mudança para o Largo Glênio Peres ocorreu em 2005.