quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Prédios inacabados: votação será retomada na segunda-feira

Foto Ederson Nunes/CMPA
A sessão plenária desta tarde (Quinta-feira - 31/10) foi triste: mesmo mostrando que é possivel e necessário o Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) para poder dar benefícios aos prédios inacabados do Centro, a maioria dos vereadores da Câmara de Porto Alegre rejeitou este dispositivo - proposto numa emenda minha!Sofia Cavedon (PT)

EIV não está regulamentado 

Os vereadores de Porto Alegre darão continuidade, na sessão desta segunda-feira (4/11), a partir das 14h, à votação do projeto substitutivo do vereador Bernardino Vendruscolo (PROS) que pretende incentivar a adequação e a conclusão de obras de edificações inacabadas, os chamados “esqueletos” urbanos. Na sessão da última quarta-feira (30/1), foi iniciada a discussão e votação das oito emendas e subemendas ao projeto. A proposta substitui o projeto 038/12, do Executivo, que trata do mesmo assunto, mas limita as regras a imóveis localizados no Centro Histórico. O vereador disse que teve como objetivo tornar mais abrangente a proposta, ampliando-a para toda a cidade.

Sofia Cavedon denuncia ainda: “Aprovamos no Plano Diretor da Cidade o Estudo de Impacto de Vizinhança em 2010. Votamos lei específica em 2011 e desde então o governo municipal não a regulamenta! Já denunciamos no MP e nada! Segue a cidadania sem ter onde se apegar para ver seus direitos respeitados!”.

Para acessar os textos do projeto, do substitutivo e das emendas na íntegra, clique aqui.

Fonte: Portal da CMPA.

Cece visita III Mostra Científica no IFRS da Restinga

Foto Cristiane Moreira/CMPA
A Caravana das Boas Práticas Pedagógicas, promovida pela Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude (Cece) da Câmara Municipal de Porto Alegre, presidida pela vereadora Sofia Cavedon (PT), visitou na manhã desta quinta-feira (31/10), a III Mostra Científica no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRS), no Bairro Restinga. A exposição, que começou ontem e se encerra hoje à noite, é um espaço para apresentação, discussão de trabalhos e projetos técnico-científicos elaborados por alunos e servidores do Instituto e das escolas de Ensino Fundamental e Médio das redes municipal, estadual e particular da Capital.

Segundo Thaís Teixeira da Silva, coordenadora do evento, o objetivo da Mostra é incentivar os estudantes a desenvolverem projetos com o intuito de promover a iniciativa, a criatividade e a inovação, bem como a preocupação com o meio no qual estão inseridos, e possibilitar a integração com colegas de outras instituições de ensino, de modo a ampliar suas relações, promovendo o intercâmbio de conhecimento e experiências.

Foto Cristiane Moreira/CMPA
O diretor-geral do IFRS-Campus Restinga, Gleison Samuel do Nascimento, informou que 200 estudantes inscreveram 80 trabalhos na mostra deste ano. Na tarde de hoje também acontecerá um campeonato de robótica que conta com a participação dos alunos e servidores, sob coordenação de uma comissão organizadora. O principal objetivo do 1º Rototec é formar alunos capazes de lidar com a tecnologia de robôs móveis inteligentes e estimular o estudo, a investigação e o aprendizado por meio de competições saudáveis de robótica.

Catamarã e robótica 

Foto Cristiane Moreira/CMPA
Sofia Cavedon visitou os estandes e conversou com os alunos. No estande da Escola Municipal Prof. Anísio Teixeira, do Bairro Hípica, em Porto Alegre, conheceu o projeto do Catamarã criado pelos estudantes Carlos Vinícius Carvalho Mandicaju, da 8ª série, Alana Duiningham, Julieli Alves e Pamela de Barros, da 7ª série. Eles explicaram o projeto. “É um meio de transporte que une rapidez, segurança, respeito ao meio ambiente e conforto para os passageiros. Com certeza, quero seguir nessa área, todo esse aprendizado está influenciando para o nosso futuro, vejo também o quanto isso me ajuda nas outras matérias, porque, na aula, aprendo a teoria e, no projeto, a prática”, destacou Carlos Vinícius.

Oito projetos de robótica proporcionaram 14 bolsas de pesquisa para estudantes de cinco escolas de Ensino Fundamental da rede municipal de ensino no ano passado. Eles integram um grupo de 48 jovens de todo o país que recebem incentivo de R$ 100,00 mensais do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Os prêmios são consequência de apresentação de trabalhos na Mostra Nacional de Robótica (MNR) 2012.

Fonte: Portal da CMPA.

Sofia apóia a luta dos rodoviários da Nortran

Foto Alexandre Böer
Sofia Cavedon, vereadora do PT da capital, acompanhou nesta quinta-feira (31/10) mais uma rodada de negociações entre os representantes dos rodoviários e a direção da empresa Nortran - ligada ao Consórcio Operacional da Zona Norte (Conorte).

Motoristas e cobradores reivindicavam melhores condições de trabalho e pedem alteração do dia de pagamento do salário, além de uma mudança na escala do fim de semana que, segundo eles, faz com que os regimes de trabalho durem até 12 horas.

Conforme Sofia a luta é justa e necessária. “Ninguém merece trabalhar diariamente cerca de 11h por dia, com apenas uma folga por semana”, enfatiza a parlamentar.

Veja também: 
- Trabalhadores da Nortran reivindicam melhorias
- Rodoviários da Carris e Nortran reivindicam

Plano Municipal de Cultura é reivindicado, mais uma vez, ao Prefeito

CMC explica construção do Plano Municipal de Cultura 

Foto Elson Sempé Pedroso/CMPA
O presidente do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre, Paulo Guimarães, explicou hoje (31/10), na Tribuna Popular da Câmara Municipal, como foi construído o Plano Municipal de Cultura. Guimarães pediu ao prefeito que envie o projeto que institui o plano o mais breve possível para análise do Legislativo, "para que os vereadores possam aprová-lo ainda em 2013". Segundo Guimarães, "o plano é mais uma prova do pioneirismo de Porto Alegre na área cultural, pioneirismo iniciado em 1976, com a criação do Conselho Municipal do Patrimônio Histórico e Cultural (Comphac)."

Foto Elson Sempé Pedroso/CMPA
Ao avaliar o trabalho que resultou no Plano de Cultura, Guimarães observou que a proposta é resultado de 18 anos de discussões entre os operadores da cultura na cidade. Conforme ele, após oito conferências municipais de cultura, realizadas bienalmente desde 1995, chegou-se ao plano que foi entregue ao prefeito no último dia 18 de outubro. "Nenhuma cidade realizou trabalho de forma tão democrática. É um processo que vai intensificar a atividade cultural na cidade."

Em um histórico da cultura na cidade, o presidente do CMC relembrou outros fatos marcantes na área cultural, como a criação da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), em 1988, a criação, em 1991, do centro cultural Usina do Gasômetro - "o mais visitado do Estado" - , e a realização da primeira conferência municipal de cultura, em 1995. Porto Alegre possui hoje cinco fundos de cultura, acrescentou Guimarães, além de 60 equipamentos e espaços culturais.

Fonte: Portal da CMPA.

Seminário das Boas Práticas Pedagógicas inicia nesta quinta-feira

Arte Mario Pepo
Com Vítor Paro, Elvira Souza Lima e Ana Lucia Freitas 

As inscrições, gratuitas, ainda podem ser feitas pelo site: http://migre.me/gtxDc.

Informações: pelo fone: 51.3220.4342 ou pelo email: cece@camarapoa.rs.gov.br.

Exposição vai até sexta-feira 

As experiências das escolas participantes do projeto Caravana das Boas práticas Pedagógicas/2013 estão em exposição no Hall de entrada do Plenário Otávio Rocha da Câmara Municipal de Porto Alegre esta até sexta-feira - 01 de novembro.

Escolas apresentarão os projetos desenvolvidos 

Promovido pela Comissão de Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Juventude (Cece) da Câmara Municipal de Porto Alegre, o Seminário das Boas Práticas Pedagógicas inicia hoje com a palestra de Vítor Paro, professor da Faculdade de Educação da USP, que falará sobre a "Educação como exercício de Poder”.
A abertura do evento contará com a presença do secretário estadual de Educação, José Clovis de Azevedo.

Na sexta-feira (01/11),  ocorrerá a Mesa de Relatos, onde as escolas visitadas apresentarão os projetos desenvolvidos e terá a mediação da professora da PUCRS, Ana Lucia Freitas. À tarde Elvira Souza Lima, pesquisadora em desenvolvimento humano, falará sobre a “Formação Cultural da Professora e do Professor”.

O Seminário será no Plenário Otávio Rocha da Câmara de Vereadores – Av. Loureiro da Silva, 255 – Centro Histórico.

Algumas das experiências que serão apresentadas

Foto Desirée Ferreira/CMPA 
EMEF Heitor Villa Lobos – Ficando entre as 10 melhores equipes de Robótica do Mundo e sendo campeões mundiais na técnica no encontro realizado este ano na Holanda, a Escola desenvolve o projeto Robótica Educacional, que é a aplicação da tecnologia, possibilitando expandir o ambiente de aprendizagem de forma lúdica e desafiante, utilizando na montagem dos robôs peças de Lego, sucatas e o computador, para dar animação aos modelos criados. Após a visita da Caravana, a vereadora Sofia retornou a escola e fez uma doação de vários jogos de lego.

Foto Francielle Caetano/CMPA
Escola de Educação Infantil Neo-Humanista Ananda Marga - O projeto desenvolvido pela instituição se baseia na Alimentação Saudável (lacto vegetariana), ética e moral, mediação e ioga - princípios que norteiam o trabalho pedagógico das cinco instituições de Educação Infantil Comunitárias Ananda Marga conveniadas com a prefeitura, e que atendem 300 crianças.

Foto Ederson Nunes/CMPA
Escola Estadual Motta e Silva - O projeto da escola está auxiliando na evolução do aprendizado dos conteúdos pedagógicos e do autoconhecimento individual e coletivo. Trata-se de um velho conhecido, o diário de classe, caderno onde são descritos os momentos vivenciados no dia-a-dia de cada uma das crianças e que tem servido como um forte aliado para a mudança de comportamento. Atendendo a um pedido das crianças, Sofia Cavedon retornou à escola e fez a doação de um livro sobre Paulo Freire.

Foto Desirée Ferreira/CMPA 
Escola Municipal de Educação Infantil Pepita Leão - A instituição optou por uma estrutura pedagógica que integra diversas atividades com um conjunto dos projetos sendo desenvolvidos por vários professores, como: grupo de dança, coral, robótica, laboratório de aprendizagem, esportes variados, centro de línguas, laboratório de inteligência de ambiente urbano e o Escola de Leitores – que recentemente foi premiado pelo trabalho de incentivo à leitura.

Foto Desirée Ferreira/CMPA
Colégio Estadual Professor Otávio de Souza - O periódico jornal Otávio Nota Mil, produzido pelos estudantes com o auxílio dos estagiários do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid), está na 5ª edição. Ao total, seis turmas participam da confecção do Otávio Nota Mil, escrevendo uma matéria cada. O jornal é responsável pela integração dos 600 alunos do Otávio de Souza, que, na produção do projeto, interagem.

Foto Francielle Caetano/CMPA
Escola Amigos do Verde – Desenvolve projeto voltado à alimentação saudável dos alunos, com alimentos cultivados sem o uso de agrotóxicos. Todo o material orgânico que passa pela mesa das crianças é depositado depois em uma composteira virando adubo para as duas hortas da escola, onde os alunos recebem lições sobre o cultivo de alimentos.

Foto Elson Sempé Pedroso/CMPA 
Instituição de Educação, Cultura e Esportes Maria de Nazaré – O projeto que será apresentado é o de incentivo à literatura e à arte, que envolve a elaboração de trabalhos com base em obras de escritores e artistas reconhecidos ao longo da história. Na instituição o trabalho pedagógico é presente em todas as salas, seja em desenhos, trabalhos em reciclagem e no material de apoio criado pelas próprias crianças e jovens para a organização do espaço e práticas de higiene.

Foto Sofia Cavedon
Também estarão apresentando seus projetos no Seminário o Instituto de Educação General Flores da Cunha e o Anglo Vestibulares com a sua Aula 360º. 

Veja aqui a Programação do Seminário.

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Agapan Debate: Que cidade queremos?

A cidade que vivemos hoje é aquilo que imaginamos como ideal de vida e convivência? Como a cidade está sendo pensada e planejada? Como podemos transformá-la?

O encontro, com entrada franca, será segunda-feira (11/11), às 19 horas, no Auditório da Faculdade de Arquitetura da UFRGS (Rua Sarmento Leite, 320), e terá os debatedores: Milton Cruz - doutor em Sociologia, professor da UFRGS - e Tiago Holzmann da Silva - Arquiteto e Urbanista, presidente do Instituto dos Arquitetos do Brasil/RS – IAB/RS.

Fonte: Blog da Agapan.

terça-feira, 29 de outubro de 2013

Exposição de Boas Práticas Pedagógicas na Câmara de Vereadores

A partir desta terça-feira (29/10) as experiências das escolas participantes do projeto Caravana das Boas Práticas Pedagógicas/2013, desenvolvido este ano pela Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude (Cece) da Câmara Municipal de Porto Alegre, estarão no hall de entrada do plenário Otávio Rocha e irá até o dia 1º de novembro.



Últimas vagas - Seminário das Boas Práticas Pedagógicas 

Na quinta-feira (31/10) inicia o Seminário das Boas Práticas Pedagógicas, promovido pela Comissão de Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Juventude (Cece) da Câmara Municipal de Porto Alegre, que contará com os palestrantes Vítor Paro, da Faculdade de Educação da USP, e Elvira Souza Lima, pesquisadora em desenvolvimento humano. O encontro também terá Ana Lucia Freitas, professora da PUCRS, que mediará à mesa de relatos das experiências visitadas este ano pelo projeto, que está em sua segunda edição.

O seminário, que terá certificação, ocorrerá de 31 de outubro e 01 de novembro (quinta e sexta-feira), no Plenário Otávio Rocha da Câmara de Vereadores – Av. Loureiro da Silva, 255 – Centro Histórico.

As inscrições, gratuitas, podem ser feitas pelo link http://inscricoes.camarapoa.rs.gov.br/inscricoes/new

Informações: pelo fone: 51.3220.4342 ou pelo email: cece@camarapoa.rs.gov.br.

Programação: 

31 de outubro - Quinta-feira 
19hAbertura do Seminário Boas Práticas Pedagógicas
19h30 – Palestra: “Educação como exercício de Poder” com Vítor Paro - Professor na Faculdade de Educação da USP

01 de novembro - Sexta-feira
09hMesa de relatos: Refletindo as práticas pedagógicas visitadas, com a mediação da Professora da Faculdade de Educação da PUCRS, Ana Lucia Freitas
- Escola Infantil Ananda Marga / Escola Estadual de Ens. Fund. Vera Cruz / Escola de Ensino Médio Politécnico / EMEF Heitor Villa Lobos / Anglo Vestibulares / EMEF Pepita de Leão – Sala de Integração e Recursos.
14h – Palestra: “Formação Cultural da Professora e do Professor”, com Elvira Souza Lima - Pesquisadora em desenvolvimento humano

Veja também:
Caravana das boas práticas pedagógicas -  Artigo de Sofia Cavedon

Conduto Álvaro Chaves coloca a cidade em risco, alerta Bancada do PT

Foto André Ávila-CP Memória
Inaugurada em 2008, ao custo de R$ 59 milhões, a maior obra de drenagem da Capital voltou a apresentar falhas colocando em risco a segurança de cidadãos e da infraestrutura da cidade. No sábado (26/10), um buraco com mais de dois metros de profundidade, na rua Dr. Timóteo (entre Tobias da Silva e Marquês do Herval), surpreendeu os portoalegrenses.

O problema tem como origem a obra do conduto Álvaro Chaves-Goethe, cuja estrutura já havia rompido em fevereiro devido às chuvas, quando a estrutura do duto (calculada originalmente para suportar 13 metros³ por coluna d’água) rompeu com um índice de apenas cinco metros³.

Foto Tonico Alvares/CMPA 
Porém, tais fatos não chegam a ser nenhuma surpresa. Desde 2005, a Bancada do Partido dos Trabalhadores (PT) denuncia que a alteração no projeto original de engenharia, concebido em 2000, além de ter aumentado o custo em R$ 17 milhões, eliminou as medidas de segurança previstas inicialmente.

O relatório do Conselho de Engenharia (Crea-RS) é muito claro: “O uso de metodologia hidráulica foi insuficiente na mudança do projeto; o uso de critérios estruturais e construtivos foi inadequado; a execução da obra se deu com dificuldade operacional; a gestão da execução da obra foi uma gestão frágil com concepção de gestão de projeto com aspecto difuso [...] não compatíveis com a boa técnica construtiva.”

Por isso, a Bancada do PT na Câmara Municipal, mais uma vez, vem a público denunciar que a obra do conduto Álvaro Chaves, tal como executada, coloca sob risco de desmoronamento o asfalto de toda a estrutura que reveste a tubulação, ao longo dos seus mais de 15 quilômetros.

Em face disso, a Bancada do PT defende: 

1. que a Prefeitura de Porto Alegre contrate empresa para realizar uma reavaliação completa de todo o percurso, custeado pelo consórcio que realizou a obra, com o acompanhamento da Comissão Externa designada para a avaliação do primeiro rompimento;
2. que a Prefeitura exija do consórcio a reconstrução de todos os pontos que forem apontados pela avaliação;
3. que órgãos de controle, como os Ministérios Públicos Estadual e de Contas, investiguem as condições em que a obra foi realizada e responsabilizem aqueles que colocaram a cidade em risco.

Bancada do PT na Câmara Municipal de Porto Alegre.

Aula Aberta no Curso de Pedagogia da PUCRS

Foto Divulgação Gabinete
Nesta segunda-feira (28/10), Sofia Cavedon, vereadora do PT e presidente da Comissão de Educação da Câmara de Porto Alegre, participou da Aula Aberta no curso de Pedagogia da PUCRS, quando palestrou sobre “Caravana das Boas Práticas: compromisso do legislativo com a educação”.

A aula aberta, coordenada pela professora Ana Lucia Freitas, trabalhou com a temática “Diálogo de saberes sobre a educação em diferentes espaços”, também teve a presença de Maurício Perondi, pesquisador do Observatório Juventudes da PUCRS, e de Anita Kieling, assessora de gabinete da SSP (Secretaria de Segurança Pública /RS).

Caravana das boas práticas pedagógicas - Por Sofia Cavedon

Artigo publicado na edição desta terça-feira (29/10) do jornal Zero Hora

Privilégios, 
desigualdade, 
corrupção não 
permitem garantir 
educação de 
qualidade 
para todos! 

Em 2011, o parlamento municipal se propôs a “transformar leis em direitos”. Por isto, andar nos ônibus para ouvir do usuário, sentir com ele as dificuldades, circular nas comunidades checando a realização das políticas públicas, ouvir os pacientes nas emergências, instalar a ouvidoria nas ruas e praças, ativar a cultura em seus espaços e estar com os artistas e escritores nos seus movimentos. E na educação? Instalamos um processo de amorosa busca e desvelamento das práticas pedagógicas. Para aprender com elas, para saber das possibilidades e limites. Para ouvir os alunos e professores, empoderar a sua fala, arte, saber e fazê-los circular.

A escola é sempre palco de questionamentos, de forma geral, em especial a pública, é mal avaliada e em meia dúzia de argumentos, sempre os mesmos, se explica seu fracasso. Cai-se facilmente na solução de criar testes ligados a estímulos ao mérito, para tentar pelo controle, melhorar a educação. Ficar nesse lugar era muito pouco para vereadores, em especial da Comissão da Educação e Cultura _ delegados que foram pelo poder popular para atuar pelos direitos.

A Dra. Ana Freitas (PUCRS) propõe outro caminho: “Tomar como ponto de partida o saber de experiência feito, tanto dos e das professoras quanto dos demais segmentos, é fundamental para que todos sejam sujeitos de um processo de teorização da própria prática, em que a teoria serve de orientação para a construção de um conhecimento libertador”.

Em vez de controlar, libertar. Fomos às escolas para que, ao contar, mostrar ao parlamento e compartilhar com a sociedade em geral, pela divulgação que nos propusemos a proporcionar, alunos e professores revisitassem suas práticas e convicções que as sustentam, e nós revisitássemos nossas teses e, portanto, nossa atuação.

A exposição na Câmara Municipal, o livreto que retratou o que vimos e espalhou-se pelas redes de ensino de 2011, ampliam-se neste ano com um seminário de reflexão entre os educadores e intelectuais de renome internacional e com a edição de um caderno no qual estará, não mais só a notícia da prática, mas o registro dela, não apenas contado, mas refletido pelos professores.

As caravanas estão desvelando as mais diversas formas de provocar o alargamento das fronteiras culturais e humanas dos estudantes. Por mais que seja uma amostragem, dizem de uma escola que se reinventa, busca respostas, luta pelo investimento em tempo, recursos e espaços que vai garantir esse direito a todos! E a nós cabe mudar a política: privilégios, desigualdade, corrupção não permitem garantir educação de qualidade para todos!

Sofia Cavedon - Vereadora PT/PoA

Veja também:
Seminário das Boas Práticas Pedagógicas inicia na quinta-feira

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Agenda de Sofia Cavedon

Destaques da semana 

Segunda-feira - 28/10 
19:00 - Sofia participa da Aula Aberta no Curso de Pedagogia da PUCRS - Tema: Diálogo de saberes sobre a educação em diferentes espaços - No Auditório do prédio 15

Terça-feira - 29/10 
09:00 - Reunião na Fasc - Pauta: Ballet da Restinga
14:30 - Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude (Cece).
16:00- CPI da Ocupação
17:00 - Sessão Solene de Outorga da Comenda Porto do Sol ao Senhor Carlos Alberto Necchi Barcellos - Plenário Otávio Rocha
19:00 - Plenária com Ary Vanazi em Canoas - participa Raul Pont

Quarta-feira - 30/10
09:00 - Reúne-se com o Presidente da Fepam, Nilvo Silva
09:00 - CPI da Procempa
12:00 - Participa da abertura da FIPAN SUL 2013 - Centro de Eventos da FIERGS
14:00 - Sessão Plenária
19:00 - PED 2013 - Debates Zonais 160 e 161 - CTG Descendência Farrapa - Av. Cavalhada, 6735 (Fundos)

Arte Mario Pepo
Quinta-feira - 31/10
09:00 - Caravana das Boas Práticas Pedagógicas - Visita o IFRS – Restinga
11:00 - Reúne-se com o diretor-presidente do DMAE, Flávio Presser
14:00 - Sessão Plenária
19:00 - Seminário das Boas Práticas Pedagógicas - Abertura e Palestra do Professor na Faculdade de Educação da USP, Vitor Paro - No Plenário Otávio Rocha da Câmara de Vereadores – Av. Loureiro da Silva, 255 – Centro Histórico

Sexta-feira - 01/11 
09:00 - Seminário das Boas Práticas Pedagógicas - Mesa de relatos: Refletindo as práticas pedagógicas visitadas - Mediadora: Ana Lucia Freitas - Professora da Faculdade de Educação da Pontifícia Universidade Católica – PUCRS
14:00 - Seminário das Boas Práticas Pedagógicas - Palestra com a Pesquisadora em desenvolvimento humano, Elvira Souza Lima 

Veja aqui a agenda completa.

domingo, 27 de outubro de 2013

Vou à Escola pode ter benefícios estendidos

Foto Jonathan Heckler 
Os vereadores de Porto Alegre começaram a debater, no período de Discussão Preliminar de Pauta da sessão ordinária da última quarta-feira (23/10), o projeto de autoria da vereadora Sofia Cavedon (PT- PoA), que tem como objetivo ampliar o número de alunos beneficiados pelo programa municipal “Vou à Escola.

O programa, explica Sofia, visa garantir transporte escolar gratuito aos alunos das escolas públicas municipais, estaduais ou federais do ensino fundamental, médio, técnico ou superior e aos alunos bolsistas do Programa Universidade para Todos (Prouni).

Em relação ao ensino médio, diz a parlamentar, o programa tem-se mostrado muito restritivo pelos critérios originalmente estabelecidos visto que, anualmente, em média, tão somente 600 alunos obtiveram o benefício.
Arte Mario Pepo

Saiba mais sobre a trajetória da proposta:

26 de agosto de 2010 
Aprovado projeto Vou à Escola

30 de março de 2011 
Vou à Escola para o Ensino Médio vira realidade  

06 de janeiro de 2011 
Proposta amplia atendimento do projeto Vou à Escola 

20 de dezembro de 2012 
Alunos de escolas federais serão incluídos no Vou à Escola

23 de junho de 2013 
Conheça a nova proposta: Vou à Escola - Projeto prevê inovações no Programa 

Conheça a Lei nº 10.996/2010

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Cais Mauá – Irregularidades são apontadas

Na segunda-feira (21/10), Sofia Cavedon, vereadora do PT na capital, falou para o programa 20 Horas, da TVCOM , sobre as irregularidades em ação de empresa gestora do consórcio do Cais Mauá

Assista:
  

Veja também:
Conversas Cruzadas - Debate sobre o projeto de revitalização da Orla do Guaíba 

Ações do Outubro Rosa chegam à Esquina Democrática

Foto Natália Scholz 
Por mais de uma hora o cruzamento da Borges de Medeiros com a Rua da Praia ficou cor de rosa.

Sofia Cavedon, vereadora do PT em Porto Alegre, participou nesta sexta-feira (25/10), das atividades de conscientização sobre a importância do autoexame e do combate ao câncer de mama, promovido pelas Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres.

A ação "Esquina Rosa" na Esquina Democrática, no centro da capital, contou com a presença de inúmeras autoridades e distribuição de panfletos. O governo do Estado vem promovendo várias ações para conscientizar mulheres e homens sobre a importância da prevenção e da consulta periódica aos profissionais de saúde.

Considerado um dos tipos mais agressivos da doença, o câncer de mama atinge 80 de cada mil gaúchas. Por isso a necessidade de se conscientizar sobre a busca imediata por tratamento, que quando diagnosticado ainda em sua fase inicial, as chances de cura podem ser significativas, chegando até 95%.

Com informações do Portal da SPM.

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Aprovado nas Comissões o projeto que regra a comercialização de livros didáticos

Foto Marta Resing
Em reunião conjunta das comissões permanentes da Câmara Municipal de Porto Alegre realizada durante a sessão ordinária da última quarta-feira (23/10) os vereadores debateram e votaram pareceres conjuntos a 12 projetos de lei que tramitam em regime de urgência na Casa.

Entre os projetos que receberam parecer favorável está o da vereadora Sofia Cavedon (PT-PoA) que estabelece a obrigatoriedade de existência do Alvará de Localização e Funcionamento para a comercialização de livros didáticos, apostilas pedagógicas produzidas por editoras e materiais escolares nas dependências de instituições de ensino fundamental, ensino médio e ensino superior.

Conforme Sofia muitos estabelecimentos escolares passaram a intermediar a comercialização de livros didáticos pelas grandes editoras - especialmente de fora do estado -, decorrendo a exclusão das livrarias locais do momento de maior comercialização que é o inicio do ano letivo. “Em alguns casos, os livros didáticos comercializados não são disponibilizados para as livrarias, obrigando o aluno a adquiri-los na escola. Esta prática atenta contra o Código do Consumidor, pois além de caracterizar-se como “venda casada” de mensalidades e livros didáticos, tolhe a liberdade do aluno em realizar a compra em local de sua preferência e mascara o lucro maior das editoras com um aparente benefício aos alunos, destaca.

Sofia lembra que a escola simplesmente cede uma sala para a editora, que vende os livros didáticos aos alunos, quando muito emitindo um recibo sem valor fiscal. “Há, no caso, flagrante sonegação de impostos, particularmente o ISSQN, no âmbito municipal”, enfatiza a parlamentar.

A cadeia produtiva do livro é composta por autores, editores, distribuidores e livreiros, cabendo a cada elo desta corrente, funções diferenciadas e complementares. De acordo com a Lei Federal 10.753/2003, que instituiu a Política Nacional do Livro, livreiro é a pessoa jurídica ou representante comercial autônomo que se dedica à venda de livros. Nesse ordenamento, diz a presidente da Cece, não cabe à escola a função de intermediar a comercialização de livros didáticos.

A quebra desta cadeia tem determinado o fechamento de livrarias, especialmente as localizadas fora dos grandes centros comerciais, com irreparáveis danos à sociedade. Entre dezembro de 2011 e dezembro de 2012 houve no Brasil uma redução de 12% no número de livrarias. Eram 3.481 e agora são 3.073.

Acesse aqui e conheça a proposta.

Seminário das Boas Práticas Pedagógicas - Inscrições Abertas

Com Vítor Paro, Elvira Souza Lima e Ana Lucia Freitas

As inscrições, gratuitas, podem ser feitas no site da Câmara:

Arte Mario Pepo
Estão abertas as inscrições para o Seminário das Boas Práticas Pedagógicas, promovido pela Comissão de Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Juventude (Cece) da Câmara Municipal de Porto Alegre, que contará com os palestrantes Vítor Paro, da Faculdade de Educação da USP, e Elvira Souza Lima, pesquisadora em desenvolvimento humano.

O encontro também terá Ana Lucia Freitas, professora da PUCRS, que mediará à mesa de relatos das experiências visitadas este ano pelo projeto, que está em sua segunda edição.

O seminário ocorrerá de 31 de outubro e 01 de novembro (quinta e sexta-feira), no Plenário Otávio Rocha da Câmara de Vereadores – Av. Loureiro da Silva, 255 – Centro Histórico.

Informações: pelo fone: 51.3220.4342 ou pelo email: cece@camarapoa.rs.gov.br.

Programação: 

31 de outubro - Quinta-feira 
19hAbertura do Seminário Boas Práticas Pedagógicas
19h30 – Palestra: “Educação como exercício de Poder
Foto Marina Piedade
Palestrante: Vítor Paro - Professor na Faculdade de Educação da USP, onde exerce a docência e a pesquisa, e coordena o Grupo de Estudos e Pesquisas em Administração Escolar (Gepae). Foi pesquisador sênior na Fundação Carlos Chagas e professor na PUCSP. É autor de Gestão democrática da escola pública, Por dentro da escola pública, Qualidade do ensino: a contribuição dos pais, Reprovação escolar: renúncia à educação, Educação como exercício do poder: crítica ao senso comum em educação, entre tantos.

Foto Desirée Ferreira/CMPA
01 de novembro - Sexta-feira
9hMesa de relatos: Refletindo as práticas pedagógicas visitadas

- Escola Infantil Ananda Marga
- Escola Estadual de Ens. Fund. Vera Cruz
- Escola de Ensino Médio Politécnico
- EMEF Heitor Villa Lobos – Robótica
- Anglo Vestibulares: Aula 360°
- EMEF Pepita de Leão – Sala de Integração e
Recursos

Foto Jorge Ruffini
Mediadora: Ana Lucia Freitas - Professora  da Faculdade de Educação da Pontifícia Universidade Católica – PUCRS, Mestre e Dra em Educação pela PUC, coordenadora da área da Pedagogia do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid) na PUCRS. Autora do livro Pedagogia da Conscientização: um legado de Paulo Freire à formação de professores, entre outros.

14h – Palestra: “Formação Cultural da Professora e do Professor
Foto Cleones Ribeiro 
Palestrante: Elvira Souza Lima - Pesquisadora em desenvolvimento humano, com formação em Neurociências, Psicologia, Antropologia e Música. Trabalha com pesquisa aplicada às áreas de educação, mídia e cultura. Tem várias publicações, entre elas: A criança pequena e suas linguagens, Quando a criança não aprende a ler e a escrever, Práticas culturais e aprendizagem, Brincar para quê?, Neurociência e aprendizagem, Neurociência e escrita.

Exposição de Boas Práticas Pedagógicas 

As experiências das escolas participantes do projeto Caravana das Boas práticas Pedagógicas/2013 estarão em exposição no Hall de entrada do Plenário Otávio Rocha, do dia 28 de outubro a 01 de novembro.

Veja também: 
Caravana das Boas Práticas Pedagógicas - Desvelando e socializando práticas curriculares emancipatórias

Movimento Hip Hop tem o apoio do Governo do Estado

Foto Caco Argemi/Palácio Piratini
Sofia Cavedon, vereadora do PT e presidente da Comissão de Educação, Cuçltura, Esporte e Juventude (Cece) da Câmara de Porto Alegre, participou do encontro do governador Tarso Genro, e do secretário da Cultura, Assis Brasil, com os representantes do Hip Hop, quando foi apresentado o resultado das políticas do governo voltadas ao movimento.

Governo apoia grupos de Hip Hop por entender que é um movimento de inclusão social

O governador Tarso Genro recebeu, nesta terça-feira (22), representantes do movimento Hip Hop, no Palácio Piratini e apresentou ao grupo as ações implementadas nos últimos meses, com bases nas questões debatidas no Fórum Permamente de Hip Hop, instância que existe desde 2010 e serve como conexão entre as reivindicações de seus representantes e o Governo do Estado.

"Somos um governo de contratendência, pois administramos um Estado que não foi feito para distribuir renda e incentivar a cultura popular", afirmou o governador Tarso Genro. Entre as ações implantadas pelo governo, estão os dois Pontos de Cultura ligados ao movimento Hip Hop e a liberação de R$ 20 mil reais para as ações a serem realizadas durante a Semana Estadual de Hip Hop, que ocorre entre agosto e setembro.

Foto Alexandre Böer
"O Governo do Estado é apoiador do movimento, pois vemos na cultura Hip Hop um fator de inclusão social", destacou o secretário da Cultura, Assis Brasil. "O Hip Hop é cultura e disputa espaços no campo das ideias", disse o representante da Nação Hip Hop Brasil, Rubem Schutz, o MC White Jay. "Estamos aqui também para defender nossos irmãos, já que aqui no Rio Grabde do Sul, no ano passado, perdemos cinco rappers, assassinados", completou.

Entre as políticas públicas relacionadas com o setor, destacam-se, ainda, o Núcleo de Formação de Agentes Culturais da Juventude Negra, as oficinas de Hip Hop realizadas através do Programa de Oportunidades e Direitos (POD) e o Mais Cultura, em vigor em todas as escolas gaúchas.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Caravana das Boas Práticas Pedagógicas visita escola Amigos do Verde

Foto Francielle Caetano/CMPA
Dentro da Caravana das Boas Práticas Pedagógicas, a Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude (Cece) da Câmara Municipal de Porto Alegre esteve na escola Amigos do Verde na tarde desta terça-feira (22/10). O objetivo da visita da presidente da Cece, Sofia Cavedon (PT), e do vereador Professor Garcia (PMDB) foi o de conhecer o projeto voltado à alimentação saudável dos alunos da instituição, que é particular e atende crianças de um a 11 anos de idade (Educação Infantil e Ensino Fundamental até a 4ª série).

O diretor da escola, Frederico Carneiro Behrends, explicou que quase 90% dos alimentos oferecidos aos 130 estudantes, nas cinco refeições diárias, são adquiridos de produtores que fazem o cultivo de orgânicos, ou seja, alimentos cultivados sem o uso de agrotóxicos. “A escola existe há 30 anos. Fizemos a opção por uma alimentação consciente”, informou a diretora fundadora, Sílvia Carneiro.

Todo o material orgânico que passa pela mesa das crianças é depositado depois em uma composteira e vira adubo nas duas hortas da escola, onde os alunos recebem lições sobre o cultivo de alimentos. “Tudo isso está dentro da rotina diária das crianças”, disse Sílvia.

Foto Francielle Caetano/CMPA
A Amigos do Verde também conta com alguns animais (como garnizés e tartarugas), cisternas para o armazenamento de água da chuva e árvores frutíferas de várias espécies. No entanto, a direção da escola teme que muitas árvores sejam derrubadas para a construção de uma obra viária conhecida como Trincheira da Cristóvão. “No projeto original estava previsto até o corte de gerivás centenários”, comentou o diretor. 

Seminário

Entre 29 de outubro e 1º de novembro, as experiências das escolas participantes do projeto Caravana das Boas Práticas Pedagógicas/2013 estarão expostas no hall de entrada do plenário Otávio Rocha. Já em 31 de outubro, começará um seminário com a palestra Educação como exercício de Poder, ministrada pelo professor Vítor Paro, da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP).

A programação continua no dia seguinte, com reflexões sobre as práticas pedagógicas visitadas, que terá a mediação da professora da PUCRS, Ana Lucia Freitas, e a palestra Formação Cultural da Professora e do Professor, com Elvira Souza Lima (pesquisadora em desenvolvimento humano, com formação em neurociências, psicologia, antropologia e música).

As inscrições para o evento estão abertas e podem ser feitas pelo link http://inscricoes.camarapoa.rs.gov.br/inscricoes/new.

Saiba mais...

Matéria publicada no Portal da CMPA.

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Agenda de Sofia Cavedon

Destaques da semana

Segunda-feira - 21/10 
10:00 - Reunião da Mesa Diretora CMPA
14:00 - Sessão Plenária

Terça-feira - 22/10 
14:30 - Caravana das Boas Práticas Pedagógicas - Visita a Escola Amigos do Verde (Honório Silveira Dias, 1675, esq. Cristovão Colombo)
16:00- CPI da Ocupação
17:30 - Participa do Encontro Movimento Hip Hop com Governador - No Galpão Crioulo do Palácio Piratini
20:00 - Semana Literária do GNU - Praça dos Fundadores

Quarta-feira - 23/10
09:00 - Reúne-se com o Presidente da FEPAM, Nilvo Silva
10:00 - CPI da Procempa
14:00 - Sessão Plenária
18:30 - Encontro de Professores promovido pelo Fórum de Inclusão Escolar - Auditório do SIMPA 

Quinta-feira - 24/10
09:00 - Caravana das Boas Práticas Pedagógicas - Visita a EE Sylvio Torres (Rua Eromide Machado Santana- Agronômia)
14:00 - Sessão Plenária
19:30 - 25 anos da Escola Projeto

Sexta-feira - 25/10 
08:00 - Homenagem aos apoiadores do Proj Capoeira na Esc. Loreiro da Silva
11:00 - Reunião com Dr. Leo Richter - TCE - Pauta: Carris

Confira a agenda completa.

domingo, 20 de outubro de 2013

Domingo de Greve - Mobilização alertou sobre o excesso trabalho extraclassse

Foto Igor Sperotto
"Forma inteligente de reivindicar valorização! Parabéns Contee e Sinpro/RS!" - Sofia Cavedon

O Domingo de Greve ocorre em todo o Brasil convocado pela Contee 

Os professores do ensino privado do RS se reuniram neste domingo, 20 de outubro, no Parque da Redenção, em Porto Alegre, para alertar a sociedade sobre o excesso de trabalho extraclasse demandado aos professores fora da carga horária contratada, comprometendo a saúde dos docentes e a qualidade do ensino. Diretores do Sindicato de todo estado estiveram presentes e entregaram panfletos sobre a campanha.

O Domingo de Greve está ocorrendo em todo o Brasil convocado pela Confederação dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino (Contee). A manifestação foi inspirada na campanha realizada pelo Sindicato dos Professores do Ensino Privado do Rio Grande do Sul (Sinpro/RS) em 2011, com repercussão nacional.

“O excesso de trabalho extraclasse é umas das principais causas da exaustão e do adoecimento dos docentes em todo o país”, justifica Cássio Bessa, secretário geral da Contee. “As instituições de ensino impõem demandas que têm consumido noites e finais de semana dos professores e comprometendo o seu direito ao descanso”. 

Leia a íntegra da matéria no Portal do Sinpro/RS.

sábado, 19 de outubro de 2013

Caravana das Boas Práticas Pedagógicas em Arroio do Sal

Foto Divulgação Gabinete
O projeto Caravana das Boas Práticas Pedagógicas, experiência que vem sendo desenvolvida desde 2011 em Porto Alegre, começa a se difundir pelo interior do estado, e neste sábado (19/10) esteve em Arroio do Sal.

Sofia Cavedon, vereadora do PT na capital e presidente da Comissão de Educação da Câmara de Porto Alegre, juntamente com a professora Ana Freitas, da Faculdade de Educação da PUCRS, palestraram sobre o projeto em um evento promovido pela Comissão de Educação da Câmara Municipal de Arroio do Sal, presidida pela vereadora petista Nora Klingelfus.

Foto Divulgação Gabinete
Conforme destacou Nora Klingelfus, "o objetivo do encontro é de socializar práticas pedagógicas desenvolvidas nas Escolas Estaduais e Municipais, avaliar e propor iniciativas legislativas, acompanhar a execução desta política pública na cidade e desconstruir a ideia que a comunidade tem, de que o Legislativo não pode propor. Acreditamos que é compromisso do Legislativo o direito a Educação".

O encontro iniciou com a Escola Estadual de Ensino Médio José de Quadros, que acolheu a ideia com muito entusiasmo e brilhantemente apresentou três projetos desenvolvidos no Ensino Médio Politécnico, que foi desafiada pela professora Ana Freitas e vereadora Sofia Cavedon, a apresentar o projeto em Rio Grande. "Muito obrigado EEEM José de Quadros, principalmente a Diretora Claudia Dias e a Supervisora Ana Laura", salienta a vereadora Nora.
Foto Divulgação Gabinete

Sofia Cavedon explanou sobre "A Construção do Conhecimento" e apresentou o Caravana das Boas Práticas Pedagógicas, o qual vem coordenando desde a sua gestão na presidência da Câmara de Porto Alegre.

A professora Ana Freitas enfatizou em sua explanação a importância do pensamento de Paulo Freire, que referendou a fala sobre Registros Pedagógicos.

A coordenadora da 11ª CRE, Mônica Huegel, prestigiou o evento e pretende estender aos demais município do Litoral a apresentação do projeto.

Arte Mario Pepo
Seminário das Boas Práticas Pedagógicas - Inscrições Abertas

Estão abertas as inscrições para o Seminário das Boas Práticas Pedagógicas, promovido pela Comissão de Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Juventude (Cece) da Câmara Municipal de Porto Alegre, que contará com os palestrantes Vítor Paro, da Faculdade de Educação da USP, e Elvira Souza Lima, pesquisadora em desenvolvimento humano, e a mediação da Mesa de Relatos com Ana Lucia Freitas, professora da PUCRS.

Saiba mais...

Arena do Grêmio: ...justiça se faça: a vereadora Sofia Cavedon (PT)...

"...justiça se faça: a vereadora Sofia Cavedon (PT), solitariamente, vinha levantando esta questão, em nome de todos os gaúchos, mesmo diante de todo o desgaste que isso possa representar."

Coluna do Flávio Pereira na edição deste Sábado no jornal O Sul. 

Porto Alegre, Sábado, 19 de Outubro de 2013.

Foto Vitor Kalsing
As compensações da Arena do Grêmio 
Tema ainda estaria mal resolvido, segundo o Ministério Público de Contas 

A notícia surgiu no início da noite de ontem: a Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e o Ministério Público de Contas recomendaram que a prefeitura da Capital não realize obras de mobilidade urbana nos arredores da Arena do Grêmio utilizando recursos públicos, e dá uma sugestão: que se paralisem as obras enquanto não transitarem em julgado as decisões das ações civis públicas ajuizadas pelo Ministério Público indagando a falta de contrapartida pela empreiteira OAS, responsável pela construção da Arena.

Sofia Cavedon

Foto Ederson Nunes/CMPA
O tema é delicado por envolver uma das paixões gaúchas, o Grêmio. Este colunista é gremista, mas, justiça se faça: a vereadora Sofia Cavedon (PT), solitariamente, vinha levantando esta questão, em nome de todos os gaúchos, mesmo diante de todo o desgaste que isso possa representar. Ela afirmou e foi publicado por esta coluna em meados de julho que "a prefeitura está assumindo as compensações que seriam da empreendedora".

A Azenha

Existem ainda outras dificuldades pela frente, segundo a vereadora Sofia: "Como ficará a Azenha com os 19 prédios da OAS que substituirão o Olímpico?". Segundo a vereadora, "são 72 metros de índices ganhos do poder público municipal e que em nada está beneficiando a população, pois a cidade recebe impactos de trânsito e ambientais graves e nenhuma medida mitigatória está sendo assumida pela OAS"

Coluna do Flávio Pereira  - O Sul.

Veja também a matéria publicada no jornal.

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Políticas Públicas em saúde mental: Educação, Saúde e Trabalho

Arte Mario Pepo
O Encontro de Professores será realizado nesta quarta-feira - 23 de outubro - às 18h30min, no auditório do Simpa - Rua João Alfredo, 61 - Cidade Baixa.

"Políticas Públicas em saúde mental: Educação, Saúde e Trabalho". Esse foi o tema abordado pelo Fórum pela Inclusão Escolar no Encontro dos segmentos - aluns, pais e professores, realizado pela entidade no dia 16 de outubro, na Câmara Municipal de Porto Alegre.

Foto Marta Resing
Sofia Cavedon, presidente da Comissão de Educação da Câmara, prestigiou o Encontro de Pais e estará presente no Encontro dos Professores.

O Encontro de Alunos contou com as palestrantes do Centro de Saúde Santa Marta, Drª. Denise Arlete Machado e Drª Leanise Saute Leitão. O Encontro de Pais teve a explanação da assistente social Joice Lopes da Silva e da psicóloga Priscila Pellin D'Ávila.

No Encontro de Professores estará presente a psicóloga Károl Veiga Cabral, coordenadora de Saúde Mental do RS e a pedagoga de Educação Especial, Letícia Santetti, da SIR Monte Cristo.